terça-feira, 21 de julho de 2009

Fundo de Gavetas...


"Cartas em fundo de gavetas podem ser perigosas. Basta um desenho antigo, já amarelado, um perfil marcante como uma figura de proa avançando
pelo grande mar onde para sempre nos perdemos".

. Lya Luft .

Revirar gavetas pode nos remeter a lembranças que embora roídas por traças, ainda possuem o poder de avivar sentimentos, despertar pensamentos e gerar saudades. As figuras amareladas nos roubam a direção. Estar perdido na alma, nas emoções, na verdade nos prende e nos lança de volta às ondas desse grande mar coberto por aquele arco-íris de sentimentos que não nos permite definir cores, somente o fato de que dele não temos saída.

14 comentários:

Bia disse...

Certos afetos
despertados, de fato,
não encontram saída.

Sorte temos
por existir a poesia, as
palavras redentoras, a
cumplicidade casual dos que
comungam cenas parecidas.

Estava com saudade também.
Beijo.

dZ disse...

aaa, dexa o passado...

Ana Luisa disse...

Deixei dZ, não vivo por ele, mas ele faz parte da minha história!!!

A.S. disse...

Ana Luisa...

Todos nós temos visitamos de vez em quando a gaveta das nossas recordações. Algumas delas deviam ser exterminadas porque nos ainda nos angustiam... mas outras, deveriam ainda hoje ser a mais bela das realidades!
A vida constrói-se dia a dia, mas há instantes que valem por uma vida!


Beijos...

Luisa disse...

aaaa passado consumista!

Consome parte da minha vida,
principalmente...

...Quando vejo cartas no fundo da gaveta!

Sandra Rossi disse...

Olá, tudo bem?
Vim te oferecer um selinho: Blog mágico!


BJuS!!


Link para pegar o selinho:
http://essaluz.blogspot.com/2009/08/selinho-blog-magico.html

Coringa disse...

revirar gavetas é uma coisa tão íntima, que nem mesmo o seu dono tem esse direito.

Eduardo Furtado disse...

Estamos todos presos às memórias... e o que importa é não transformar nossa memória em consciência.

Estava Perdida no Mar disse...

Tenho pouco medo do fundo das minhas gavetas. Estou sempre limpando-as, organizando-as...Detesto lixo sentimental acumulado. Seja de qual espécie for.

ocasodoacaso disse...

A gente só guarda na gaveta aquilo que nos faz bem...ainda que em lembranças..

Dayane disse...

Nao muito antigamente,eu tinha uma mania ter´rível de jogar fora tds as minhas lembranças.Hoje me arrependo tanto,que guardo qualquer lembrancinha!

Lyani disse...

Saudades!
Tem presente pra vc no "entre aspas" :D

Sonia Regly disse...

Vi seu Blog lá no Blog POETRIX, da Flávia, e resolvi vir te conhecer.Adorei, tudo o que vi aqui.Parabéns!!! Estou te convidando para conhecer o Compartilhando as Letras.Pra mim será uma alegria:


www.compartilhandoasletras.com

Di disse...

Essas gavetas eu não reviro.